Tudo sobre a Anorexia Nervosa, Sintomas e Tratamento

O que é a Anorexia?

Atualmente, sabe-se que a anorexia se caracteriza pelo medo intenso e irracional de engordar e distorção da imagem corporal, ainda que o peso do doente se encontre abaixo do peso mínimo esperado para a idade e altura e também a negação da gravidade da sua condição nutricional.

O exercício físico exagerado, o uso de diuréticos e laxantes, entre outros, definem um doente com anorexia nervosa, resultando num peso corporal extremamente baixo. O período menstrual, nestes casos, torna-se irregular e, por vezes, inexistente – amenorreia.anorexia

A anorexia nervosa incide na sua maioria nas sociedades industrializadas onde apesar da abundância de alimentos, o ideal de beleza está ligado à magreza sendo mais predominantes nas pessoas com baixa autoestima e vulnerabilidade emocional, sentido de inutilidade, tristeza e isolamento, carácter obsessivo e dificuldade em ser autónoma. Contudo, pessoas com anorexia nervosa tendem a ser exemplares, perfeccionistas, que raramente desobedecem, resultando em estudantes com bons resultados e com um senso de responsabilidade muito apurado. Tudo isto juntamente com o enorme desejo de satisfazer o meio que os rodeia resulta na não aprendizagem em enfrentar problemas que são característicos da adolescência como o crescimento, o relacionamento com o grupo de amigos, os primeiros relacionamentos amorosos e experiências sexuais.

Anorexia Nervosa Restritiva vs Compulsiva

A anorexia nervosa restritiva, caracteriza-se pela dieta rigorosa em que o ideal de peso a atingir está muito abaixo do peso saudável.

A anorexia nervosa compulsiva contem predominantemente crises bulímicas entre outros comportamentos que evitam o aumento de peso. Neste caso, a família do paciente tende a ser obesa, que influencia o paciente a comer compulsivamente, seguido de vómitos autoinduzidos dos alimentos ingeridos ou uso indevido de laxantes, diuréticos ou enemas. Devido aos vómitos autoinduzidos, o doente fica mais propício a problemas ao nível dos intestinos e do estômago. O doente está também mais vulnerável ao abuso de álcool e drogas bem como alterações do humor.

anorexia

A anorexia nervosa compulsiva consegue ser mais facilmente detetada pelas constantes idas à casa de banho no fim das refeições (de modo a induzir o vomito), pelo uso de laxantes e diuréticos, permitindo que seja tratada com a devida antecedência contrariamente à anorexia nervosa restritiva que é mais dificilmente detetada uma vez que pode ser confundida com a preocupação em manter a “linha”.

Sintomas

Sintomas Físicos:

  • Perda grave de peso
  • Magreza excessiva
  • Insónias
  • Fadiga, tonturas, desmaio
  • Cabelo fino e quebradiço
  • Pilosidade corporal
  • Ausência de menstruação – amenorreia
  • Obstipação
  • Batimentos cardíacos irregulares
  • Pele seca e amarela
  • Desidratação
  • Edemas
  • Halitose – mau hálito
  • Osteoporose
  • Tensão arterial baixa

Sintomas Emocionais:

  • Rejeitar/ evitar comer
  • Nervosismo às refeições
  • Contar calorias/pesar alimentos
  • Mentir sobre alimentos ingeridos
  • Cortar alimentos aos pedaços no prato sem os digerir
  • Prática de exercício físico excessiva
  • Apatia
  • Indução de vómito
  • Perda de vontade sexual
  • Irritabilidade
  • Isolamento social

Tratamento

Uma das dificuldades numa fase inicial do tratamento é fazer com que o doente tenha a perceção que sofre do distúrbio em questão, pois como foi referido anteriormente, o doente tende a negar que o possui.
Uma vez reconhecido o distúrbio, poderá ser submetido a diversos tratamentos tais como tratamento nutricional, ingestão de medicamentos e em casos mais graves, o internamento do doente.
O tratamento nutricional baseia-se em ajudar o paciente a fazer uma alimentação equilibrada e adequada às carências nutricionais de modo a manter o organismo saudável e evitar possíveis doenças inerentes ao distúrbio.
Através de um plano nutricional que tem em conta os gostos e estilo de vida do paciente, é possível que o tratamento tenho um maior sucesso.

O cumprimento do tratamento é facilmente visível através de alguns sinais como não passar mais de 3 horas e meia sem comer, os cabelos e unhas ficarem mais fortes, pele mais hidratada e bonita, fazer as refeições em família e recuperação de um peso saudável.
A falta de rigor é também facilmente observada através continuação de períodos prolongados sem comer, ausência de refeições em família, faltar à terapia, continuar a perder peso ou até ter falta de energia para as atividades diárias como tomar banho.

Siga no instagram!

 

Referências:

AAVV. (2017). Anorexia nervosa: causas, sintomas e tratamentos disponíveis. Vittude. Acedido a 17 de dezembro de 2017, em https://www.vittude.com/blog/anorexia-nervosa/.

Duarte, J.C.G. (2003). Anorexia Nervosa. Tese Licenciatura, Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto Zanin, T. (2016) Tratamento para anorexia pode incluir medicamentos e terapia. Tuasaude. Acedido a 17 de dezembro 2017, em https://www.tuasaude.com/tratamento-para-anorexia/

Share: